fbpx

5 Dicas de como evitar processos médicos e odontológicos

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

 

Por: Mister Liber

1. Comunicação eficaz: Mantenha uma comunicação clara e aberta com seus pacientes. Escute atentamente suas preocupações e forneça explicações compreensíveis sobre diagnósticos, tratamentos e riscos.

2. Documentação precisa: Mantenha registros detalhados e precisos de todas as interações com os pacientes, incluindo histórico médico, resultados de exames, prescrições e instruções. Isso é crucial em caso de litígio.

3. Consentimento informado: Certifique-se de que os pacientes compreendem completamente os procedimentos médicos, incluindo riscos e alternativas. Peça que eles assinem um formulário de consentimento informado.

4. Gerencie as expectativas: Seja honesto sobre os resultados esperados dos tratamentos. Não prometa resultados que não possa garantir.
OBRIGAÇÃO DE MEIO, não dê resultados garantidos!

5. Educação contínua: Mantenha-se atualizado com os avanços médicos e participe de cursos de educação continuada para aprimorar suas habilidades.

DICA DE OURO

WhatsApp com pacientes e terceiros!
Você sabia que o WhatsApp é uma fonte de informações analisadas pelo seguro e pelo juiz na reclamação? Evite Diagnósticos por mensagem, cuidado com informações sensíveis, horários de atendimento, guarde registros de conversas, comunique-se de forma profissional, clara e respeitosa!

EXTREMAMENTE IMPORTANTE:

Mantenha seu seguro de Responsabilidade Civil em dia, atualize o capital de acordo a média de processos.

Tenha contato com advogados especializados em Direito médico e ouça atentamente sua equipe de Sinistros Mister Liber;

Usamos cookies e coleta de dados para tornar a sua experiência melhor.